GUIA DEFINITIVO DO HOMEM DE FERRO ( Com Downloads )

Marvel Iron Man 3

Tony Stark, o Homem de Ferro, é um gênio graduado em engenharia elétrica pelo MIT. Nunca faltou dinheiro para seus projetos pois herdou a fortuna e os empreendimentos de seu pai aos 21 anos, quando este faleceu em um acidente. Dada a sua juventude, criou para si um estilo playboy bilionário. Essas características foram inspiradas no milionário americano da vida real, Howard Hughes.

Durante a guerra do Vietnã, o inventor e industrial Tony Stark aproveitou a oportunidade para melhorar o armamento americano, e ampliar sua fortuna. Em sua primeira visita ao Vietnã acabou acidentalmente acionando uma armadilha, Stark sobreviveu a explosão mas estilhaços da bomba atingiram seu coração. Os vietcongues o capturaram e foi levado até o líder Wong Chu. Restavam apenas alguns dias de vida para o americano, e Wong Chu o forçou a criar uma poderosa arma e prometeu que depois ele seria operado dos estilhaços. Tony decidiu obedecer, mas não criou uma arma, e sim algo que o mantivesse vivo e permitisse derrotar o vietcongue. Preso com ele estava outro gênio, o professor Yin Sen. Stark revelou seu plano ao professor, e Yin Sen o ajudou a construir o reator stark e a armadura que o manteria vivo.
https://tioultimate.files.wordpress.com/2011/06/comic1-39.jpg
Na cirurgia de Stark, homens de Wong Chu se aproximaram. Para impedir que entrassem na sala e interrompessem o processo que recuperaria o coração de Tony, o velho professor começou a gritar contra a tirania para lhes chamar a atenção. O cientista foi fuzilado. Mas foi o tempo suficiente para que Stark se recuperasse e se acostumasse a usar a estranha e patética armadura cinza que criaram.

O Homem de Ferro enfrentou as tropas e as derrotou, sua armadura resistia aos disparos contra ele. Wong Chu tentou fugir, e o Homem de Ferro incendiou o galpão de munições fazendo com que a explosão o matasse. Wong Chu foi morto e os prisioneiros libertados.

Desde então Stark desenvolveu novas versões de sua armadura, e adotou as cores vermelho e dourado como as padrões da armadura. Com o traje cada vez mais aperfeiçoado, Tony Stark passou a atuar como super-herói, combatendo toda sorte de inimigos dos Estados Unidos.

No começo de suas atuações, e para que ninguém desconfiasse, Stark espalhou o boato de que o Homem de Ferro era seu guarda-costas. Nas aventuras dos anos 70 e 80, era comum heróis, vilões e coadjuvantes do Universo Marvel se referirem ao Homem de Ferro como “o lacaio de armadura”. Apenas seu motorista, Harold “Happy” Hogan, e sua secretária, Virginia “Pepper” Potts, sabem da identidade secreta de Stark.
https://i2.wp.com/www.webwallpapers.net/wp-content/uploads/2011/03/Iron-Man-Tribute-Comics-1-1152x8641.jpg
Na versão original Tony Stark colaborava com as forças armadas americanas, desenvolvendo armas e maquinários destinados aos confrontos da Guerra Fria. Seus inimigos frequentes eram os comunistas (russos, asiáticos ou latino americanos), enfrentando como Homem de Ferro rivais tecnológicos como o Dínamo Vermelho (ou Escarlate) e o primeiro Homem de Titânio, ou espiões especiais como a Viúva Negra e o Espião Mestre. Duramente atacado na época da reação à Guerra do Vietnã, amenizou sua postura anticomunista.
 

Avengers Disassembled Iron Man Homem de Ferro: a atualidade 

O Homem de Ferro como Secretário de Defesa

Como já citei, a boa fase política do Homem de Ferro teve início quando o mesmo foi nomeado Secretário de Defesa em Invincible Iron Man Vol. 3 #73. Algo que foi muito bem aproveitado por Bendis, alguém verdadeiramente entendia o personagem e na época, acabava de assumir os Vingadores. A fase como Secretário de Defesa foi bastante curta, mas mostrava um novo Tony, que há alguns anos já havia parado de beber e cada vez mais se mostrava alguém responsável e preocupado com os problemas do mundo de forma bem mais extensiva do que os heróis típicos. Tony era um dos poucos que pensavam nos problemas de forma ampla, buscando respostas no quadro social e na organização política da sociedade americana. Em sua revista solo, como sempre, a ameaça não estava nos vilões de rua, e sim nas guerras ao redor do mundo, ou lutando contra o mercado negro armamentista.
O primeiro grande emprego público de Tony Stark acabou como conseqüência da série Avengers Disassembled (ou Vingadores: a Queda por aqui). A série foi escrita por Brian Michael Bendis e deu início a nova década da Marvel, todos os grandes eventos que ocorreram, mesmo aqueles no universo paralelo mutante tiveram origem nas ações da Feiticeira Escarlate em cima de seu antigo grupo. No caso do Homem de Ferro, ele deixou de ser Secretário de Defesa depois de atacar publicamente, completamente bêbado, um representante da Latvéria na ONU. Tony, não estava bêbado, mas agiu sob o efeito da magia de Wanda dando início ao que hoje é conhecido como o pior dia da história dos Vingadores.

Iron Man extremis Homem de Ferro: a atualidade 

O Homem de Ferro como um ideal trans-humano

Neste período, grandes planos já pareciam estar em desenvolvimento para o personagem, Warren Ellis junto de Adi Granov foram chamados para dar um reboot total no personagem, não só rejuvenescendo sua origem, como trazendo novos poderes e personagens para a série do herói metálico. Esta saga, batizada de Extremis (pois era o nome do vírus criado por Maya Hansen), teve seu início em Invincible Iron Man Vol.4 Baixe Aqui, e foi um grande sucesso de crítica e vendas.
O grande feito desta saga foi em minha opinião colocar Tony Stark dentro do atual paradigma da ficção científica, isto é, o trans-humanismo. Se quando o personagem foi criado havia muito de político nele, também havia um bocado de ficção científica em suas histórias afinal não tendo poderes tudo girava em torno de suas produçõe científicas. Mas apesar de ser um gênio o conceito de um homem em uma armadura mecânica já estava bastante ultrapassado e o extremis finalmente possibilitou que Tony realmente se tornasse um com o Homem de Ferro, o colocou de volta na posição de futurista. Com o extremis em seu corpo, Stark era agora capaz de não somente de controlar sua armadura com sua mente, mas praticamente qualquer tecnologia. Seu ente se tornou uma fusão entre o Bio e o Meca. Stark agora tinha acesso a todos os bancos de dado do mundo ligados direto ao seu cérebro, ele era capaz de enxergar seus inimigos a partir de imagens de satélites e etc…
O arco Extremis não só era muito bem desenhado e escrito, mas proporcionou uma real evolução no conceito de Homem de Ferro o deixando preparado para o que vinha a seguir: a liderança de todos os heróis da Marvel que acatassem com as leis estadunidenses.

ironmancaptainamericacasualtiesofwar 1 400x600 Homem de Ferro: a atualidade 

A Guerra Civil ( Baixe Aqui )

E então na pequena cidade de Stanford o irresponsável grupo Novos Guerreiros produzia um reality show sobre sua vida como super equipes. O grupo em plena rede nacional resolveu encarar o super vilão conhecido como Nuke em uma área residencial, o resultado, o vilão usou seus poderes e matou não somente os Novos Guerreiros que o atacaram assim como metade da cidade.
Ao mesmo tempo, já há alguns meses aparecia em algumas revistas (como as do Homem de Ferro na fase de Secretário) que havia uma forte pressão do governo estadunidense para acabar com o vigilantismo, ou seja, a lei só poderia ser cumprida por oficiais e não por qualquer mascarado. O próprio Tony Stark antes do incidente estava lutando contra a sua aprovação, sabendo que isso iria representar um grande problema para a comunidade de super seres da Marvel, mas quando Stamford aconteceu ele percebeu que uma mudança na lei não era apenas inevitável, era necessária.
O projeto de registro foi aprovado pelo Senado em tempo recorde, fazendo com que todos os heróis que fossem contra a lei se tornassem criminosos. Não queria discutir aqui os méritos de cada lado, mas sempre acho estranho o grande número de pessoas contra a lei de registro na medida que quando um herói de colocava contra ela, ele estava se julgando acima de todos os seus co-cidadãos que não apenas elegeram os senadores que aprovaram a lei com unanimidade como também demonstravam serem favoráveis ao registro. O próprio Capitão América desiste de liderar o seu lado da batalha quando é atacado pelo povo na rua, muito provavelmente percebendo que sua postura era anti-democrática (eu poderia dar também o argumento de que todos os gênios da Marvel estavam do lado pró-registro). Mas enfim, a liderança e a vitória da lei de registro deu a Tony Stark um de seus empregos mais difíceis: ele se tornou diretor da Shield.

illuminatis Homem de Ferro: a atualidade 

Os Illuminati

Em um retcon durante o início da guerra civil descobrimos sobre os Illuminati, um grupo que reunia a elite dos super grupos da Marvel para decidir as ações em relação as grandes ameaças da terra. O grupo foi idealizado pelo próprio Tony Stark, depois da guerra Kree-Skrull e além do líder dos Vingadores, contava também com Charles Xavier dos X-men, Reed Richards do Quarteto Fantástico, Raio Negro dos Inumanos, Namor da Atlântida e Dr. Stephen Strange o Mago Supremo da Terra.
Foi com este grupo que várias decisões importantes foram realizadas, e como fundador e idealizador do mesmo Tony sempre trouxe uma importante figura de liderança entre seus pares. Vale destacar aqui que o grupo teve influência direta em três dos últimos quatro grandes eventos da Marvel como a Guerra civil, a World War Hulk e a Invasão Secreta.

IronMan DirectorOfShield TPB 390x600 Homem de Ferro: a atualidade 

O Diretor da Shield

Uma nova era do Universo Marvel se iniciou sob a direção de Tony Stark, na posição de líder da maior força-tarefa do planeta. Poucos heróis permaneceram vivendo sem registro, já que a maioria das forças do Capitão América acabou cedendo depois de sua partida, havia é claro, alguma resistência como os Novos Vingadores de Luke Cage, mas em geral foi uma época prospera no que concerne a segurança das pessoas, com a iniciativa dos 50 estados garantindo que não somente a cidade de Nova York teria seu super grupo e sim o país inteiro. A fase tem ótimas histórias escritas pela dupla Daniel e Charlie Knauf (autores da perfeita série Carnivale pela HBO) e tem seu início em Invincible Iron Man vol. 4 # 15 (quando a coleção foi renomeada para Iron Man : Director of Shield Baixe Aqui).
Outro momento importante da vida do herói que estreou nessa fase foi a revista de Matt Fraction Invincible Iron Man vol. 5 ( Baixe Aqui ) . Enquanto a antiga revista passou a tratar da relação do Tony com a Shield e a iniciativa, nesta revista o foco era mais o círculo próximo do personagem, como sua indústria, Pepper Pots, vilões clássicos e etc… Matt Fraction é um excelente escritor e sua série com o Homem de Ferro vem sendo um dos melhores trabalhos publicados pela Marvel nos últimos anos. Na verdade, neste momento, desde após o primeiro filme o herói ficou tão popular que passou a ter três revistas mensais, rivalizando com o Homem-Aranha, além de protagonizar as revistas da iniciativa como Poderosos Vingadores e figurar e todas as outras (eu me lembro que teve um mês em específico que eles perderam a linha e puseram o Tony como coadjuvante em todas as revistas mensais, de X-Men a Capitão América).
No entanto as coisas não podiam ficar bem para sempre, e ocorreram duas grandes crises durante este período (leia duas sagas). Na primeira delas Hulk volta para terra depois de ter sido exilado pelos Illuminatis, e para piorar o gigante verde é manipulado para acreditar que o grupo secreto de Tony destruiu sua esposa e o povo do planeta Sakaar com uma bomba. Na única edição legalzinha desta terrível saga, vemos Stark assumir a responsabilidade do que fez e partir para cima do Hulk com tudo. No fim das contas o dia acaba sendo salvo pelo Sentinela como mostrado acima.

670106 invincible iron man 09 page  01 super 388x600 Homem de Ferro: a atualidade 

O Perseguido ( leia Reinado Sombrio Aqui )

https://i1.wp.com/www.gtfyweb.com/media/marv/Misc/4836header_banner0969073.jpg

Quando Norman se torna o novo líder da Shield, que ele desmantela e substitui por sua própria organização, a Hammer, um de seus maiores objetivos é capturar Tony Stark. Não apenas para se vingar dele, como também para se apossar de seu conhecimento, principalmente a lista de registros da iniciativa, ou seja, a identidade secreta de boa parte dos heróis da Marvel.
Iniciada em Invincible Iron Man vol. 5 #8, World’s Most Wanted é  uma saga eletrizante onde Tony foge desesperado de Norman, enquanto lentamente vai destruindo sua memória e apagando as informações de sua cabeça. O gênio que outrora existia se consome em um ser sem conhecimentos lutando para sobreviver. Enquanto isso seus aliados ao redor do mundo e até antigos inimigos lutam contra as forças da Hammer visando dar tempo a Tony de terminar sua lobotomia. Até que finalmente sua mente se apaga e ele entre em coma.

Iron Mans New Armor Homem de Ferro: a atualidade 

O Renascer ( Leia o Cerco Aqui )

http://4.bp.blogspot.com/_EJsueoxmidg/S0E8iweJ1gI/AAAAAAAAIb8/9-TyQm1T6M0/s320/c_logo.png

E agora nos encontramos nessa fase. A revista principal do Homem de Ferro (aquela pelo Matt Fraction no número 25) continua consagrada (inclusive ganhando o Ennie de melhor série mensal) e bem escrita, mas ela teve o trabalho de trazer Stark de volta ao mundo. E claro que o gênio tinha um plano de contenção, ele sabia que o dia chegaria e por isso deixou tudo preparado para dar o seu reboot. Com a ajuda de seus aliados mais próximos como Pepper, Rhodes, Maria Hill e companheiros como Steve Rogers, Thor e Dr. Estranho a mente de Tony foi lentamente restaurada assim como seus danos corporais. Tony voltou para encontrar seu mundo destruído por Norman, sua empresa falida e seu império já declinado.

Nesse tempo que Tony Stark esteve fora do “jogo” entre apagar seus neurônios e voltar a viver com sua mente usando um back up, a indústria de arma e de segurança em si estava abandonada. Eis que surge quem se aproveite disso: a indústria Hammer. Composta pela filha de Justin Hammer, Justine Hammer e sua filha (neta de Justin), Sasha. Elas apresentam a militares sua nova proposta para a segurança nacional: o Aço de Detroit. Qual a diferença de todos os milhões de robôs e armaduras que já surgiram por aí e esse novo, você me perguntaria, foi o mesmo que um dos militares perguntou. A resposta vem da pesquisa de Sasha que integra homem e máquina por uma coluna vertebral híbrida que permite que um ser humano controle a armadura como se fosse seu corpo. Ok, tudo ótimo, parece muito bom, mas todos já sabem que Tony Stark voltou e qualquer outra coisa fica obsoleta com ele.

Falando nele, tudo que faz ultimamente é se atualizar do que ficou faltando em seu “back up” e pensar… pensar… e pensar. Como diz Pepper, não pensar em tomar um banho, dormir ou algo assim. De tanto pensar, ele resolve: já sabe como a nova armadura terá de ser e é Reed Richards que o ajudará nisso. Também é hora de retomar sua empresa, mas aí vem a má notícia: Pots o conta tudo que aconteceu desde os ataques de Ezequiel Stane (lembram?) até ele não ter quase nada e passar a presidência a ela, que vendeu quase tudo (dado que Norman estava atrás dele). Em uma cena bonitinha dessas que o Fraction faz com os dois, ele a oferece um emprego na “nova empresa” dele, mas não poderá pagar nada e podem tentar matá-los de novo… ela aceita, claro.

Photobucket

Com Reed, Tony conta como seu poder do extremis funcionava o ligando à armadura e que restaram mudanças físicas desse poder nele (quando o operaram, os médicos comentaram haver fios elétricos e coisas do tipo nos órgãos), conta da burrada que foi não refazer o back up de sua mente e ficar com esse gap de memória e, da sua maneira, pede desculpas por tudo que passou. A explicação toda da parte física é muito boa. A parte do extremis ele diz que o Homem de Ferro seria um aplicativo, o extremis o sistema operacional e seu corpo o hardware. Sem o extremis, o hardware não tem o que executar, mas ainda tem a capacidade de executar outro sistema semelhante. Sobre o repulsor no seu peito, ele diz que suas funções autônomas não existem mais depois que apagou seu cérebro. Cérebro, cerebelo e medula foram todos “formatados” e as funções básicas como respirar e batimento cardíaco são controladas por essa bateria em seu peito que também fornece a energia pra isso.

Enquanto eles refazem uma armadura, Pepper Pots sai por aí tentando reconstruir o império. Ela lida de uma forma que Tony discorda: honestidade, ela conta a todos que estão falidos, o que acaba gerando ótimas cenas na história. Isso, inclusive, leva Thor a oferecê-lo dinheiro, que Stark recusa, quer se reerguer com seu próprio desafio. Ele também pede desculpas ao amigo a sua maneira, mas, como disse antes, não se arrepende. Pois, se o fez (e ele não lembra exatamente o que), fez porque achava que era o melhor e faria de novo, mesmo que diferente. Eles se entendem (como é possível só entre os dois). Aliás, toda interação deles, tanto quanto a do Homem de Ferro com Richards é muito bem desenvolvida por Fraction.

Photobucket

Da mesma forma que o roteiro das HQs se aproxima dos filmes recolocando um reator de energia no peito do protagonista, outro fator também o faz: Tony decide e anuncia que não fará mais armas, não inventará mais nada que possa de uma forma ou outra se tornar perigoso. E, assim, ele parte para uma reunião com um novo público para sua nova empresa, a Stark Resiliente: fabricantes de eletrodomésticos, automóveis, eletrônicos, tudo que exige alguma fonte de energia. Ele revela o reator em seu peito, conta como essa tecnologia causaria uma mudança de paradigma no mundo tecnológico/energético. Que ele já quase morreu por que muitos tentaram roubar essa tecnologia, mas e se isso se tornasse comum? Se todos pudessem ter acesso a essa tecnologia? Ninguém mais mataria por isso. Ele vai fazer isso e quem não estiver com ele (financeiramente, claro), estará indo contra uma inovação e provavelmente falirá. É claro que a idéia choca a todos, inclusive Pepper que sai furiosa por ele fazer esse discurso o deixando até de fora do helicóptero que ela e Hill voltam pra casa.

Mas quem precisa de um helicóptero quando se é o Homem de Ferro? Um novo Homem de Ferro. Suas roupas se desfazem e a armadura começa a surgir, crescendo em seu corpo, criando músculos e ligações. Se conectando à sua coluna vértebra por vértebra e se fechando em uma nova e extraordinária armadura. E, falando em armadura ligada à coluna, as Hammer estão jogando: compram todo arsenal desativado do M.A.R.T.E.L.O. (vide O Cerco 4) que estava em leilão e recebem uma ligação dos militares querendo negociar seu Aço de Detroit. Claro, mas depois, agora elas estão negociando com outro cliente: o Paquistão. Pelo visto, a segurança americana não será tão americana assim.

Photobucket

ERA HEROICA:
https://i0.wp.com/images.wikia.com/marveldatabase/images/a/a2/Ironmanheroicage.jpg

BAIXE AQUI

CONTINUA…
Animações

Anos 60: O desenho O Invencível Homem de Ferro mostra a história do milionário dos quadrinhos, que cria uma armadura de ferro para esconder sua verdadeira identidade e lhe conferir super poderes que o ajudam em sua jornada contra os bandidos. Seus principais inimigos no mundo criminoso são o Mandarim, Viúva Negra, Gavião Arqueiro e etc… Tony conta com a ajuda de sua secretária Pepper Potts e seu assistente Happy Hogan.

Anos 80: Em 1981, o Homem de Ferro também fez pontas como personagem central no episódio “A Origem dos Amigos do Aranha” neste desenho dos anos 80. Na série, Tony estava numa convenção de inventos, onde sua máquina é roubada por um vilão, mas salvo pelo Homem Aranha. Agradecido, o milionário ajuda o outro herói numa luta contra seus próprios amigos.
Anos 90: Homem de Ferro teve uma outra série, em 1994, mas teve sua história um pouco diferente: ele e Yinsen são raptados não por Wong Chu, mas pelo Mandarim que lhe deixou paraplégico e não com estilhaços no coração). Além disso, Tony criou sua própria equipe (força tarefa), bem mais esperto, possui várias versões de armaduras, também um veículo cibernético chamado Virgin (mas tarde substituído pela inteligência computadora hologramica chamado HOMER); Nos episódios “Surfista Prateado e o Retorno de Galactus” e “Batalha contra o Planeta Vivo”, o herói faz um rápidas aparições na série animada Os Quatro Fantásticos; O Homem de Ferro e Máquina de Combate aparecem no episódio 4 da série do Hulk de 1996, onde ajudam Bruce Banner Hulk e Rick Jones numa luta contra os militares; Ele também aparece na série animada do Homem Aranha, principalmente em “Guerras Secretas”, na qual Tony ajuda em várias lutas VS Venom e Carnificina; O Homem de Ferro é o fundador dos Vingadores de 1999, mas não é um personagem pleno, e aparece só uma vez: no episódio “Estrelas Cadentes”, ele ajuda a impedir satélites radioativos caírem na Terra.

Anos 2000: Em 2006, o Homem de Ferro aparece na nova série animada do Quarteto Fantástico, apenas no episódio “Jogo Duro”. No episódio, Tony é acusado de vários ataques, mas é revelado que o Doutor Destino está por traz disso; Em sua versão adolescente, Tony tem sua 2º série solo, onde cria sua armadura do Homem de Ferro para impressionar o pai, mas ambos acabam sendo vítimas de um acidente de avião. Tony sobrevive usando o escudo do herói de ferro, mas o pai morre. Após este acontecimento, o adolescente tem o apoio de Rhodes e Pepper para salvar o mundo com sua tecnologia; Sendo o líder, paciente e mais esperto membro da série esquadrão de heróis, Homem de Ferro nunca se mostrou como Tony, pois sua armadura foi adequada como uma simples roupa que ele usasse sempre, e é o responsável por várias naves, armas e equipamentos do esquadrão; O solitário Homem de Ferro funda os Vingadores: Os Super Heróis Mais Poderosos da Terra sem precisar do apoio da S.H.I.E.L.D que roubou sua tecnologia, no começo da série era bastante egoísta mas o trabalho em equipe mudou isso; 

Um dos mais recentes do Homem de Ferro, foi lançado em 2010 um anime do herói, com uma versão é claro japonesa. As indústrias Stark de Tony se tornaram famosas no setor de armamentos, mas que mudou de foco durante sua administração.

Sobre tioultimate

blog tipo 2 do titio ultimate
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s